Encargos trabalhistas: como funcionam para ONGs?

Descubra Agora Como Funcionam Os Encargos Trabalhistas Para Ongs Post (1) - gestao terceiro setor

Entenda a relação entre encargos trabalhistas e ONGs

Descubra agora mesmo o que são os encargos trabalhistas e entenda como eles se aplicam às ONGs

Uma ONG, apesar de ser uma instituição sem fins lucrativos, tem uma série de obrigações para cumprir, assim como as demais empresas, mas como diferenciar suas tarefas?

É muito comum se confundir na hora de lidar com as burocracias que envolvem o terceiro setor, no entanto, a sua ONG não pode deixar nada passar – isso se quiser se manter regularizada.

Por esse motivo, no artigo de hoje, falaremos um pouco sobre os encargos tributários e ainda daremos uma dica especial sobre como descobrir se você deve ou não pagá-los.

Boa leitura!

O que são encargos trabalhistas?

Vamos à questão que pode estar te intrigando agora mesmo: o que são os encargos trabalhistas?

Em poucas palavras, os encargos trabalhistas nada mais são do que algumas obrigações que uma instituição tem que cumprir em relação ao seu funcionário.

Ou seja, ao contratar um colaborador, é preciso recolher e entregar uma quantia referente aos seguintes fatores:

  • 13º salário;
  • Férias remuneradas;
  • Vale-transporte;
  • Vale-refeição;
  • Vale-alimentação;
  • Plano de saúde médica;
  • Plano de saúde dental;
  • Adicional para atividades insalubres e perigosas;
  • Licença-maternidade ou paternidade;
  • Afastamento médico, entre outros.

Esses são direitos e benefícios que todos os trabalhadores devem receber, de forma que tenham sempre condições e o conforto necessário.

Vale ressaltar que alguns desses encargos trabalhistas são obrigatórios, mas outros não; sendo assim, fica a critério da empresa se irá oferecê-lo para os colaboradores.

Por fim, também é importante saber que o pagamento deles varia de acordo com a sua natureza, podendo ser mensal, como o vale-transporte, ou até mesmo anual, como é o caso do 13º salário.

Minha ONG precisa pagar encargos trabalhistas?

Agora que entendemos o que são e quais são os principais encargos trabalhistas, é importante entender se essa obrigação se aplica ou não às ONGs.

Isso porque o pagamento desses benefícios pode, além de reduzir os impostos a serem pagos pelas empresas, garantir uma melhora no desempenho de seus colaboradores.

Sim, ao pagar encargos trabalhistas para os seus funcionários, ainda mais alguns extras, como o vale-cultura, você terá ao seu lado funcionários mais motivados, dedicados e seguros: tudo graças à qualidade de vida obtida.

Uma contabilidade pode te ajudar a entender suas obrigações

Tendo em vista os benefícios que a sua ONG pode receber ao pagar os encargos trabalhistas, nada melhor do que saber se você deve ou não oferecê-los para os seus funcionários.

Nesse caso, a melhor alternativa é contar com o auxílio de um contador que, além de te ajudar nesse quesito, pode colaborar em diversas outras atividades e obrigações.

Nós somos parceiros da sua ONG!

E claro que você pode contar com a nossa ajuda nesse sentido! A nossa equipe de profissionais altamente qualificados e preparados está pronta para atender às suas demandas e te auxiliar quanto às obrigações da sua ONG.

Acabe com suas dúvidas e descubra agora mesmo se você deve – ou não – pagar os encargos trabalhistas. Com os nossos serviços, sua ONG estará sempre em dia graças ao esclarecimento total de todos os seus deveres.

Está esperando o quê? Entre em contato conosco agora mesmo e entenda tudo sobre encargos trabalhistas e sobre o mundo das ONGs!

Você pode gostar também…

No results found

Mais posts similares

No results found

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fill out this field
Fill out this field
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu
Recomendado só para você
Descubra como fazer uma ata de associação para ONGs Leia…
Open chat